Criminosos explodem cofre e roubam agência bancária em Dom Eliseu, no Pará

Um grupo criminoso invadiu a agência da Caixa Econômica em Dom Eliseu, sudeste do Pará, e explodiu o cofre do banco na madrugada desta terça-feira (22). Segundo a Polícia Militar, além de uma quantia em dinheiro, os bandidos roubaram duas armas de fogo calibre 38, de uso dos vigilantes.

De acordo com a PM, era por volta de meia noite e meia quando cerca de nove homens cometeram o crime. Eles pegaram um reféns e usaram como escudo humano no entorno da agência, para impedir a ação da polícia.

Os criminosos utilizaram explosivos para roubar o cofre do banco, localizado na avenida JK. Segundo informações de funcionários da empresa que presta serviço de segurança, no cofre ficam apenas o restante dos valores dos caixas de atendimento, arrecadados após o término do expediente.

No momento do crime, um dos assaltantes se feriu gravemente, segundo informações de um dos reféns. No local ficaram as marcas de sangue.

Os criminosos fugiram pela BR-222, em direção ao município de Rondon do Pará. Quando estavam no km 5 da rodovia, trocaram tiros com a Polícia Militar. A viatura da PM teve um pneu estourado. Depois do confronto, os criminosos liberaram os reféns.

Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal e de policiais militares fizeram buscas ao longo da BR-222 e em algumas vicinais, porém ainda não localizaram os homens. Foi montado um bloqueio na BR-010, na entrada do estado, e outro bloqueio em Ulianópolis. Um reforço policial foi deslocado para o município.

Por: G1-PA

 

SEGUNDO ASSALTO

Em 2017, a agência da Caixa de Dom Eliseu foi alvo de assalto, quando um grupo formado por dez homens invadiram o local. Todos estavam vestidos com roupas rajadas, similar as de militares do exército, toucas e portavam armas de grosso calibre, como fuzil 765. Eles chegaram ao município em dois veículos: um de passeio e uma caminhonete. Ao chegarem na agência, atiraram em direção a porta principal. O bando entrou e foi em direção aos quatro caixas eletrônicos e ao cofre, que pertence a tesouraria do banco, onde as dinamites foram instaladas. Além do cofre, somente duas dinamites que estavam nos caixas eletrônicos explodiram.
Os assaltantes retiraram o dinheiro e na fuga fizeram sete pessoas que estavam em uma pizzaria de reféns. Uma das vítimas possuía uma caminhonete e foi obrigada a conduzir o carro junto com os outros veículos.
Durante a saída do município de Dom Eliseu, que dá acesso a rodovia Belém-Brasília, os assaltantes trocaram tiros com policiais civis que vieram de Paragominas. No entanto, os policiais receberem ordens para encerrarem o tiroteio, pois foram notificados que haviam reféns com os bandidos. (bnnoticia.blogspot.com)

Um dos veículos utilizados na fuga pelos assaltantes foi incendiado e abandonado (Foto: Polícia Civil)
 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

%d blogueiros gostam disto: