Reforma do aeroporto de Santa Inês será entregue amanhã (7)

Após receber serviços regulatórios de cercamento, reforma do terminal de passageiros e manutenções nas áreas verdes, o Aeroporto Regional João Silva, em Santa Inês, será entregue à população nesta quinta-feira (7), pelo Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Indústria, Comércio e Energia (Seinc). A iniciativa conta com o apoio da prefeitura da cidade.

A Seinc está à frente do projeto de implantação junto aos órgãos federais e tem por objetivo acelerar a conclusão das atividades do Programa de Aviação Regional (PIL), que visa a instalação de aeroportos em todo o país. Para o secretário da Seinc, Simplício Araújo, a ação impacta diretamente nas diversas esferas econômicas do Estado.

“Os aeroportos são vetores de desenvolvimento pelo qual trabalhamos seguramente no Maranhão, considerando o impacto que proporcionam ao turismo, aos municípios, na atração e expansão de investimentos e na economia maranhense de modo geral”, pontuou Araújo.

A reforma e regularização do aeroporto de Santa Inês complementa, também, serviços de manutenção preventiva e corretiva periódicos para manter a segurança operacional do aeroporto, de acordo com a legislação vigente. Além de Santa Inês, os aeroportos de Balsas, Carolina e Bacabal já foram entregues.

A reestruturação do aeroporto de Santa Inês também se deve à grande envergadura econômica do município. Com o PIB acima de R$ 1,2 bilhão, a cidade possui 1,44% de participação no Estado. Ações de governo influenciaram a estatística, como a progressiva atração de investimentos, atenção às instalações de escolas, além de investimentos no setor da saúde. Santa Inês é uma das cidades que mais contribuem para o resultado do PIB maranhense.

 

História

Em 2003 foi feita uma parceria entre governo estadual e governo municipal para a construção do novo aeroporto. Até então a cidade disponibilizava apenas um pequeno campo de pouso, conhecido como Aeródromo de Santa Inês, que por estar localizado bem no centro da cidade não oferecia segurança nem conforto aos seus usuários.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

%d blogueiros gostam disto: